sábado, 2 de dezembro de 2023

Fechamento da Carteira de Novembro/23 (+3,58 % / + 3,44 %)

 


Boa tarde Finansfera!


Fiz o fechamento do resultado de novembro e conferi mais duas vezes pois não acreditei no resultado...jurava que tinha colocado um zero a mais na cotação de um ativo ou duplicado algo pois o resultado foi excelente! Aumento do patrimônio em 3,58 % com rentabilidade dos investimentos (sem aportes) de 3,44 %! Essa grande subida foi suficiente para levar minha rentabilidade até o momento no ano a incríveis 15,7 % !! Bem acima do CDI acumulado em 2023 e também acima do IPCA+6%!!!! Estamos caminhando para um final de ano que pode se consolidar como meu melhor ano desde que comecei o controle de rentabilidade (2021). 

Os gastos continuam similares aos últimos meses, porém em novembro aproveitei o clima de Black Friday pra comprar vários itens que estava precisando mesmo...nova cafeteira (nunca comprem cafeteira com jarra de vidro...o que não falam pra você é que o preço da jarra é quase a mesma da cafeteira inteira...), novo barbeador (o antigo tem aproximadamente 15 anos de uso), nova calça jeans (a atual já está com buracos...rsrs) e também novo celular pix. Consegui bons preços nos produtos mas agora tenho que ir pagando em novembro e dezembro...mas tranquilo...faz parte. No final, taxa de poupança do mês foi de 33 %. Tá bom pra essa nova vida com filho...

A VVI baby continua a crescer e a demandar atenção 24h/dia. Continuo tendo que acordar diversas vezes na madrugada e dormindo tarde/acordando cedo. É um fase...não tem jeito... No mais ela está uma gracinha. Colocamos ela em uma aula para bebês em piscina aos sábados e ela está adorando socializar com outros bebês e aproveitar a piscina...achei inicialmente que era jogar dinheiro fora, mas vendo como ela gosta de estar lá já acho que será uma boa atividade pra ela.

Ainda não consegui voltar às atividades físicas, mas a babá noturna que contratamos para 1 dia/ semana tem aliviado muito minhas noites de quartas-feiras. Só de ter entre 19h-23h um tempo só pra mim e ter a garantia que vou dormir entre 6-7h sem interrupções não tem preço (no caso tem sim...pagamos ela bem por isso...mas vocês entenderam...rsrs). O próximo passo é tentar liberar pelo menos mais um período em outro dia para voltar às atividades físicas 2x semana. Vamos ver se consigo...

Sobre os investimentos  eu realmente levei um susto quando vi o crescimento da carteira no mês! Todos meus ativos (exceção de moeda estrangeira em espécie) subiram! Minha parcela de ações BR então subiu incríveis 10 %! Isso foi o determinante para o resultado da carteira! Sobre os aportes, nada demais...Todo valor que sobrou no mês e 100% dos rendimentos recebidos foram reinvestidos. Dessa vez enviei para fora um parte do dinheiro recebido e comprei IWDA para aproveitar o dólar baixo. Com a outra parcela aumentei a posição em TRXF11 e investi um pouco em EGIE3.

Nos gráficos abaixo seguem os dados costumeiros de crescimento da carteira, sua lucratividade sem aportes e IPCA acumulado para dois períodos diferentes: O primeiro desde o inicio do meu monitoramento (dezembro/21) e o acumulado em 2023. Lembrando que para o mês de novembro como ainda não temos o valor da inflação divulgada, uso o IPCA 15 como referência.






Seguem os gráficos das classes de ativos nas quais invisto. O gráfico abaixo é a divisão do patrimônio em todas as classes de ativos que tenho na carteira:

O gráfico abaixo mostra a distribuição de ativos pelas classes que realmente tenho alguma atuação (retirando classes não gerenciáveis onde não invisto ou os investimentos são pré-definidos - Exemplos: Reserva de Emergência e PGBL). A carteira atual está bem perto da minha carteira objetivo.


Com o aumento das ações BR, estas ficaram desbalanceadas em relação às demais, logo hoje sugere-se que no mês de dezembro eu invista em ETFs internacionais para balancear melhor a carteira...mas o que define de verdade será essa distribuição no dia quando for fazer o investimento...vamos ver.

Abaixo a carteira de ações BR  e minha distribuição por setor. Com os dividendos e JCPs recebidos comprei EGIE3, uma empresa que gosto muito e estava abaixo do meu objetivo. Uma novidade esse mês é não tenho mais CVCB3 na carteira...Resolvi sair aceitando o prejuízo e reinvesti o pouco que restou dessa ação junto com o salário em TRXF11. A empresa vinha de uma desvalorização absurda desde a pandemia mas após a recuperação do setor de serviços a CVC continuou mal das pernas... Acreditava no seu turn around em 2023 mas ele não veio. Como era uma posição pequena que mais me atrapalhava que ajudava na carteira resolvi eliminar. Paciência...investir é assim mesmo...se perde em algumas correndo o risco de ganhar muito nelas. Bola pra frente...Interessante que na minha carteira de ações BR as ações com função de turbinar os ganhos são as que tenho com maior prejuízo... os maiores lucros são aquelas que deveriam ser as mais "constantes".

Abaixo a carteira de FIIs. Desisti da subscrição do HGRU11 e agora estou focado em aumentar minha participação em renda urbana via secundário mesmo. Tenho focado no TRXF11 por ter ainda uma concentração baixa nele, mas logo se o preço não estiver muito elevado pretendo investir mais em HGRU11 também. Ontem começaram a divulgar que a Pátria teria comprado a gestão dos fundos da Credit Suisse...bom...dentro das alternativas era a menos pior...agora torcer pras equipes dos fundos serem mantidas. E pensar que havia chance do BTG ou Vinci assumirem essa gestão...seria trágico...rsrs